Playlist da semana #2 – Terror

Halloween é o cacete! Nem paga-pau de gringo e nem enaltecedora do regionalismo. Se é para botar medo, na minha playlist da semana músicas com bandas que seja no palco, pela performance, pelo estilo, pelo som ou pelo nome, tocam o terror.  Anime sua festinha!

>> Gwar
Esse é um show que o Brasil ainda precisa receber. Gwar surgiu em 1985 em Richmond, Virgínia, EUA. Tocando thrash metal/crossover thrash , a banda é conhecida pelos seus integrantes usarem fantasias “mostruosas” e fazerem sátiras através de suas músicas. Sou suspeita porque gosto de tudo deles, mas para quem não conhece “Let us slay” é uma forma de começar, fora que o clipe mostra bem as famosas fantasias. “Pinguim Attack” também é muito boa, recomendo!

>> Behemoth
Behemoth não é nova, mas é uma das mais aterrorizantes da atualidade. A banda de Black Metal/Death Metal foi formada na Polônia em 1991. Liderada pelo guitarrista e vocalista Nergal, então com quinze anos de idade, o Behemoth criou uma enorme força durante a década passada como uma banda grande dentro do cenário underground do black metal. O nome é inspirado em um personagem biblico. Nergal fez transplante de medula e alterna shows com paradas para dar continuidade ao tratamento médico. Atualmente em tour, a banda faz planos de lançar álbum novo. O último disco saiu em 2009.

>> Misfits
Inspirados em filmes B, os Misfits surgiram no auge do punk, em 1977. São percussores e um dos únicos bons representantes do horror punk. Além dos devilocks, todas suas letras falam de assassinatos, estupros, violência doméstica, ou seja, tudo que é politicamente incorreto e dá cadeia. A banda tem milhões de formações e uma discografia enorme. Atualmente contando com Jerry Only, Dez Cadena e Eric “Chupacabra” Arce, a banda tem algumas faixas dedicadas ao “Halloween”. Essa abaixo é uma delas.

>> Extreme Noise Terror
Para alguns, os ingleses do ENT são os autênticos representantes do crust/grindcore.  Formada em 85 também tem uma longa discografia e uma infinidade de formações. O último disco foi lançado em 2008. O futuro da banda é incerto depois do falecimento do vocalista Phil Vane em abril deste ano, vítima de um AVC.

>> Lamb of  God
A banda das ovelhas do senhor foi formada em 1990. “Especialistas” rotulam como groove metal. Seja lá o que isso quer dizer, eu acho mesmo é que é uma das melhores bandas do metal autêntico da atualidade, com vocais e instrumental muito consistentes. “Omerta” é um dos melhores hits. “Laid to rest” é igualmente boa e faz parte do Guitar Hero II.

>> Napalm Death
Essa toca o terror desde 82. Outra digna representante do grindcore inglês, o Napalm Death é um clássico do estilo com uma longa discografia. Essa faixa do clipe, “Time Waits For No Slave”, é o título do mais recente disco lançado em 2009.

>> Disgrace and terror
A banda brasileira foi formada em Belém em 2001. Representantes do autêntico thrash metal, neste ano, para comemorar os dez anos de estrada, programaram uma turnê por seis países da Europa (Alemanha, Bélgica, Espanha, Países Baixos, Polônia e Portugal). E é boa, viu?

>> Slayer
Slayer é um clássico em todos os sentidos: na formação, nos sempre ótimos discos, no thrash fiel às suas raízes, nos riffs, bumbos duplos e uma performance impecavelmente destruitora no palco. Os sons falam por si e para traduzir tudo isso aí em música, uma das mais conhecidas: “Raining blood”,  faixa do “Reign in Blood” , terceiro disco da banda, lançado em 1986. Dos tempos que Kerry King tinha cabelo, haha.

>> Terror
O Terror é da Califórnia. Formado nos  anos 90, tem uma discografia composta por Ep´s, splits e álbuns respeitados. O mais recente é o “Keepers of the faith” de 2010. É atualmente uma das mais importantes do cenário hardcore. Essa, literalmente, toca o terror.

>> Burzum
O Burzum é uma one-man-band de black metal. Varg Vikernes (ou Count Grishnackh) canta e toca todos os instrumentos. Sua discografia aterrorizante, desde a demo homônima de 1991, tem nove discos de estúdio, incluindo o “Fallen” lançado este ano.

>> Deicide
Deicide é uma banda de death metal dos Estados Unidos, formada em 1987 por Glen Benton no vocal e baixo, Steve Asheim na bateria, Brian e Eric Hoffman nas guitarras. As letras das músicas, sempre escritas por Glen Benton, falam sobre satanismo e anti-cristianismo. Fofo. A loooonga discografia tem praticamente um disco lançado por ano. O mais recente é o To Hell With God, lançado este ano pela Century Media.

>> Canibal Corpse
O Cannibal Corpse é uma banda de death metal formada em 1988. Com mais de duas décadas desde sua fundação, o grupo aborda temas macabros e sanguinolentos em suas letras. Clipes chocantes e som consistente. Boa para quem estômago para cenas fortes e pescoço rígido pra tanto bate cabeça. Eles tocam em São Paulo em dezembro junto com o Suicide Silence e The Black Dalia Murder.

>> Marilyn Manson
Há muito tempo o MM não apavora e nem faz algo relevante e de sucesso como no começo de carreira. Uma das coisas legais foi essa “This is Halloween” originalmente gravada na trilha sonora do ótimo “The Nighmare Before Christmas’ de Tim Burton. Aqui no Brasil conhecido também como “O estranho mundo de Jack”.

>> Childrem of Bodom
Agora um representante do legítimo death metal filandês.  O Children foi formado em 1993. É uma das grandes bandas do estilo e com uma das carreiras mais lineares do dito death metal melódico – recheado de solos, teclados e sons incindentais. Relentless Reckless Forever é o sétimo álbum da banda , lançado em 8 de março de 2011 pela Spinefarm Records.

>> Type O Negative
E quem diria que aquele clipe p/b assustador que estreiou na MTV em 1993, com um vocalista de voz grave e cara fantasmagórica se tornaria um fernômeno de vendas astronômicas no mundo, rendendo inclusive disco de platina? A trajetória do Type o Negative foi surpreendente, assim como a morte precoce do vocalista Peter Steele em 15 de abril do ano passado. A Roadrunner fará um lançamento especial de Halloween para promover os discos e você pode ajudar a escolher o melhor dos seis álbuns de estúdio. Acesse o link, dê seu voto e relembre um dos maiores hits deles.

Sobreviveu? Curtiu? Descordou? Dê sugestôes, comentários, xingos…fico esperando!

* Com algumas informações da Wikipedia

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s