Nas aspas: Peter Fonda

“As pessoas pensam que foi fácil para mim como filho de Henry Fonda, mas ele nunca me falou sobre como agir. Ele nunca explicou como ele trabalhava. Eu tive que aprender assistindo. Às vezes ele me levava para trabalhar com ele no teatro, porque alguém tinha que cuidar de mim. Claro, o ambiente todo deixou uma impressão em mim. Em casa uma vez, quando eu tinha uns 14 anos, eu os ouvi conversando e Gary Cooper disse: “Se eu sei o que estou fazendo, então eu não tenho de atuar.” Mais tarde, quando pensei no meu trabalho como ator, esta frase voltou para mim. Se você souber o que está fazendo, você não tem que atuar. Se você não ver as engrenagens agitando na minha cabeça, então eu conquistei você. Esse é a relação do que fazemos, por isso somos tão íntimos do público.”

Peter Fonda, o eterno Easy Rider, no Red Bulletin

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s