O original e o cover #30

Dia 19 de abril foi aniversário do cantor, ator e realeza Roberto Carlos. Antes que o especial da Globo chegue ou ele embarque de novo pra Jerusalém, nesse O original e o cover número 30, uma playlist epecial com algumas famosas versões do Rei!

Dica: clique nos nomes das músicas para curtir a original

SE VOCÊ PENSA
Composta em parceria com Erasmo Carlos, “Se Você Pensa” tornou-se um dos maiores clássicos do LP “O Inimitável”, de 1968. Pitty a regravou para fazer parte do disco ao vivo “A Trupe Delirante no Circo Voador” de 2011.

ALÉM DO HORIZONTE
Ainda bastante influenciado pelo soul americano, a original de “Além de Horizonte”, também parceria com Erasmo, está no disco homônimo de 1975. O Jota Quest gravou a cover no disco “Até onde vai” de 2005. No mesmo ano, a banda participou do álbum “Duetos” e a gravação do programa de final de ano na Globo com o rei.

TODOS ESTÃO SURDOS
A mais black e suingada parceria dos amigos Roberto e Erasmo está no disco homônimo de 1971. A crítica social foi brilhantemente regravada pela banda Chico Science e Nação Zumbi em 1995 para a coletânea “Rei”, após o lançamento do seu primeiro e barulhento disco “Da lama ao caos”, lançado em 1994.

É PROIBIDO FUMAR
“É Proibido Fumar” é um álbum do Roberto Carlos lançado 1964. Além da faixa título, o LP mostra Roberto em busca de afirmação na cena musical brasileira. Ele investiu de vez no rock and roll, especialmente após o bom desempenho do disco anterior, “Splish Splash”. A versão do Skank está no “Calango”,  segundo álbum deles lançado em 1994 e com 1,2 milhão de cópias vendidas.

AS CURVAS DA ESTRADA DE SANTOS
Muito influenciado pelo soul e o funk de James Brown, Roberto lançou o disco homônimo de 1969 – aquele dele sentado na areia da praia. Clássico! O lado B trazia a “As curvas da estrada de Santos” e músicas mais românticas inaugurando sua nova fase fora do programa Jovem Guarda. Na década de 90 o Kid Abelha regravou muitos clássicos da música nacional e gringa. Em 1995, a versão deles também integrou a coletânea “Rei” com sucessos de quem mesmo?

O PORTÃO
A terceira faixa do disco “Roberto Carlos” de 74 deve ter um dos refrões mais cantados do universo. A ultra romântica música ganhou versão em 2004 da banda Lafayette & Os Tremendões que apresenta em seu repertório releituras de clássicos da Jovem Guarda. O grupo foi formado quando o vocalista do Autoramas, Gabriel Thomaz, foi a uma apresentação de Lafayette em um shopping center e decidiu convidá-lo para os ensaios de seu projeto Os Tremendões. Lafayette não só foi ao ensaio como passou a fazer parte do grupo que, em sua homenagem, passou a se chamar Lafayette & Os Tremendões. O primeiro CD deles, com covers mais pedidos nos shows, foi lançado em 2009.

É PRECISO SABER VIVER
A faixa, também parceria Roberto e Erasmo, tem muita história antes de ter sido regravada pelos Titãs, em 1994, no disco “Volume II”. Ela nasceu baseada na canção “It’s Over”, de Elvis Presley e foi gravada em 1968 primeiro por Ronaldo Luís Antonucci e Márcio Augusto Antonucci, que formaram a dupla Os Vips. Além de ser trilha do filme “Roberto Carlos e o diamante cor-de-rosa” – trecho no clipe anexado ai no nome da faixa – ela também entrou na primeira versão da novela “Pecado Capital”.

QUANDO
Em 1994, Roberto Carlos conseguiu bater os Beatles em vendagens na América Latina, vendendo mais de 70 milhões de discos. No mesmo ano, gandes artistas do rock nacional da época, como Cássia Eller, Kid Abelha, Skank e entre outros, gravam o disco “REI” em que eles interpretam grandes sucessos do cantor, e este é lançado no mesmo ano. Coube ao Barão a versão de “Quando”, música que Roberto lançou nos anos 60 e entrou em 67 na trilha do filme “Roberto Carlos em Ritmo de Aventura”. Vale ver o clipe dele cantando no telhado do Copam. A versão do Barão também entrou no disco “Balada”, ao vivo com covers de Roberto e outros clássicos nacionais.

Dos antigos sucessos do rei, prefira sempre os originais. Até a próxima com mais covers!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s