Vida de Lance Armstrong no cinema

As gigantes Paramount e Warner compraram direitos para produzir dois filmes sobre a ascensão, queda e confissão do ex-ciclista americano Lance Armstrong. Veja algumas novidades dos dois projetos.

lance-armstrong-tour-de-france-2009

O estúdio Warner Bros. comprou os direitos de uma produção que será dirigida pelo cineasta Jay Roach. A cinebiografia de Lance Armstrong também será tema de outro filme produzido pela Paramount Pictures.

WARNER
AWarner Bros. colocou sua assinatura em um projeto desenvolvido pelos produtores da Atlas Entertainment Charles Roven e Alex Gartner que contará com roteiro de Scott Z. Burns (“Terapia de Risco”), segundo publicou o blog especializado “Deadline”.
O filme será dirigido por Roach, mais conhecido por comédias como “Austin Powers – 000 Um Agente Nada Discreto” (1997) e “Entrando Numa Fria” (2000), embora tenha levado o Emmy pelos telefilmes “Recount” (2008) e “Virada no Jogo” (2012), ambos com temática política. No acordo estão incluídos os direitos sobre a vida de Tyler Hamilton, o companheiro de equipe de Armstrong na US Postal.
O estúdio tenta, no momento, comprar os direitos sobre outros personagens-chave no esquema de Armstrong, um dos maiores escândalos de doping na história do esporte.

PARAMOUNT
Em janeiro, foi informado que a Paramount e a produtora do cineasta J.J. Abrams (“Lost”, “Star Trek”), a Bad Robot, fizeram propostas para levar ao cinema a controversa carreira de Armstrong. Ambas as companhias compraram os direitos para adaptar à telona o livro “Cycle of Lies: The Fall of Lance Armstrong”, da jornalista esportiva do jornal “The New York Times” Juliet Macur, que seguiu de perto a vida do esportista desde sua reabilitação do câncer até sua cura, passando por suas sete vitórias na Volta da França. A obra de Juliet será lançada em junho nos Estados Unidos pela editora HarperCollins, que em novembro passado levou o projeto após acertar com a autora o pagamento antecipado de mais de US$ 100 mil.

Após muitas acusações, Armstrong acabou admitindo à apresentadora americana Oprah Winfrey que consumiu substâncias dopantes para melhorar seu rendimento e conquistar o inédito retrospecto de sete vitórias na maior competição do ciclismo mundial. Como consequência, Armstrong teve todas as suas vitórias na Volta da França, assim como a medalha de bronze conquistada nos Jogos Olímpicos de Sydney, em 2000.

Confira abaixo um dos capítulos da série sobre o ex-atleta reproduzida pelo SporTV.

Com informações do Terra

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s