Assassinando um clássico #4

Tem quem ache [eu, inclusa] que funk, axé e sertanejo universitário são as piores coisas do universo. Mas uma das piores coisas recentemente surgidas na música brasileira agora está em horário nobre assassinando “Flores” do Titãs e até a legalzinha “Toda forma de amor” do Lulu Santos. Já ouviu o crime que o tal de Sambô anda fazendo com clássicos do rock? Veja a versão sambinha [gzus!!] para “Sunday bloody Sunday” do U2.

1

A VÍTIMA
“Sunday bloody sunday” é uma das faixas do clássico “War”, terceiro disco do U2 lançado em 1983. É até hoje uma das músicas mais politizadas da banda. Na letra, destaque ao incidente do Domingo Sangrento em Derry, na Irlanda do Norte, onde as tropas britânicas atiraram e mataram manifestantes de direitos civis. Junto com ela, outro clássico deste disco, “New year´s day” venderam cifras absurdas ao redor do mundo e são dois maiores singles da carreira deles.

O CRIME
Sambô é um grupo de amigos que se reuniu um dia pra tocar na festa de um amigo e de forma inusitada juntaram samba com rock. De festa em festa foram parar na TV e agora na trilha da novela e a gente que tem que aguentar esse tipo de coisa…

Na semana que Bono fez 53 anos, não é o tipo de homenagem que o cara merece né? Mas, coisas de Brasil… até o próximo crime!

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s